Sanidade da Fruticultura

Finalidade

Promover a Vigilância Fitossanitária para monitorar, controlar e prevenir a introdução e a disseminação de pragas na fruticultura: Rosáceas (Maçã, Pera, Pêssego, Ameixa e Nectarina), na Bananicultura e na Viticultura.

ROSÁCEAS

Pragas sob Monitoramento
Cydia pomonella (traça da Maçã ou Carpocapsa):
Ações desenvolvidas
  • Plano de Contingência para a Cydia pomonella;
  • Monitoramento oficial com 42 armadilhas instaladas em pomares comerciais (20), áreas urbanas próximas de regiões produtoras (6) e grandes atacadistas de frutas (16);
  • Fiscalização em propriedades produtoras sem certificação fitossanitária;
  • Fiscalização em Unidades de Produção (UP) certificadas para outras pragas de Rosáceas;
  • Fiscalização em Comerciantes de frutas;
  • Fiscalizações em Unidades Consolidadoras (UC) ;
  • Coleta de amostras para diagnósticos fitossanitários em propriedades e comerciantes.
Neonectria ditissima (= Neonectria galligena) – Cancro Europeu das Pomáceas:
Ações desenvolvidas

A Adapar realiza levantamentos específicos anuais através de fiscalizações em propriedades produtoras de Maçã e Pera, com inspeções de plantas e amostragens, para identificar e delimitar a dispersão da praga quarentenária Neonectria ditissima no Paraná.
As fiscalizações têm o objetivo de prevenir a dispersão da praga, por meio de sua detecção precoce em áreas de produção e definir ações para adoção de mitigação de riscos nas áreas produtivas, conforme IN 20/13.
São realizadas reuniões técnicas para discutir os principais aspectos do manejo da cultura da Maçã com relação a Neonectria ditissima, com a participação dos FDAs da Adapar, dos responsáveis técnicos, dos produtores, da pesquisa, CSAs, de associação de produtores, do comércio, etc.
Obs: Atualmente a Adapar está realizando um levantamento para determinar a incidência da doença nos pomares paranaenses para avaliar a possibilidade de implantar ações para a erradicação da doença, uma vez que ela está concentrada em poucos pomares.

Erwinia amylovora - Fire Blight (Fogo bacteriano):
Ações desenvolvidas

Plano de Contingência da Erwinia amylovora. O Plano de Contingência para a Erwinia amylovora estabelecerá os procedimentos operacionais para aplicação de medidas preventivas e emergenciais para erradicação de focos e contenção da praga.
A Adapar faz parte do Grupo Nacional de Emergência Fitossanitária para a Erwinia amylovora.

BANANICULTURA

Pragas sob Monitoramento
  • Mycosphaerella fijiensis (Sigatoka Negra) e
  • Ralstonia solanacearum (Moko da Bananeira)
  • Raoiella indica (Ácaro vermelho das Palmeiras)
  • Opogona sacchari (Traça da Bananeira)

 Ações desenvolvidas

  • Fiscalização do Monitoramento para Sigatoka Negra
  • Fiscalização em propriedades produtoras sem certificação fitossanitária;
  • Fiscalização em Unidades de Produção (UP) certificadas para a praga;
  • Fiscalização em Comerciantes de frutas;
  • Fiscalizações em Unidades Consolidadoras (UC) ;
  • Coleta de amostras para diagnósticos fitossanitários em propriedades e comerciantes.
  • Coleta de amostras para o monitoramento do Moko da Bananeira.
  • Levantamento de Delimitação da Raoiella indica
  • Inspeção de Frutos de Banana em Casa de Embalagem.

VITICULTURA

Pragas sob Monitoramento
  • Xanthomonas campestris pv. viticola (Cancro da Videira)

Ações desenvolvidas

  • Fiscalização em propriedades produtoras sem certificação fitossanitária;
  • Fiscalização em Unidades de Produção (UP) certificadas para a praga;
  • Fiscalização em Comerciantes de frutas;
  • Fiscalizações em Unidades Consolidadoras (UC) ;
  • Coleta de amostras para diagnósticos fitossanitários em propriedades e comerciantes.

Legislação

Legislação Específica
 
Recomendar esta página via e-mail:
Topo